Cinema, HQ, Rock

Música

Ricardo Alexandre, jornalista ao qual serei eternamente grato por ter me apresentado os Black Crowes num distante dia da década de 90 explica:
Por que o “The Voice Brasil” nunca vai revelar um grande artista
“O problema não é do programa. O problema é decorrente de uma máxima muito simples, que é ignorada tanto por sua produção quanto por quem se inscreve nele: nenhum artista é maior do que sua arte.
Seja você um roqueiro, um dodecafonista ou um engolidor de espadas, a regra é esta: o artista é sempre menor do que a arte que ele faz, ele sempre vem depois de sua própria arte.
The Voice, e os shows de talento televisivos, em geral, invertem essa lógica. Jogam o holofote, o maquiador, o horário nobre da Globo, o jornalismo das afiliadas e os programas de fofocas sobre o artista, muito antes de ele ter ao menos pensado em sua arte.”

Cinema
Pense em um trabalho estressante. Esse Lawrence Kasdan está f*****: Decodificando o drama dos roteiristas de Star Wars

Quadrinhos
E o aclamado projeto Graphic MSP, em que os personagens criados por Maurício de Souza passam por releituras de outros autores, inicia a segunda fase: Os novos títulos do projeto Graphic MSP. Tem Bidú, Penadinho e um segundo álbum do Astronauta, entre outros.

Link